Quebrando mitos da maquigem

Esses dias estava lendo um post no site makeup.com (esse post aqui) que falava de alguns conceitos antigos que temos sobre maquiagem versus pensamento atual. Veja só quais são esses pensamentos, acompanhados de dicas de uma make up artist da Lancôme, mostrando que na verdade eles são bem atuais.

1. Sombra azul é coisa de vó. MITO – Um toque de azul pode alegrar o visual. Ao invés de usar na pálpebra toda, usar para delinear e marcar levemente os olhos. Concordo!! Olha só umas fotos que provam isso:

Pra mim o maior exemplo de look azul com cara de sombra da avó foi esse da January Jones, que só funcionou nela, e no evento (Baile do Met). Dificilmente funcionaria na vida real.

2. Boca tudo olho tudo. MITO. Mito esse que começou a ser quebrado há pouco tempo. Esse ano veio com tudo e promete ficar. A dica é equillibrar e usar cores complementares, como uma sombra grafite e um batom mais fechado. Eu adoro e tenho usado bastante!

3. Passar máscara nos cílio inferiores deixa olho de panda. MITO. Por muito tempo acreditei nesse mito, até testar e perceber que realmente é um toque que pode deixar o olhar mais sexy. O segredo é usar a máscara certa, de preferência à porva d’água e com aplicador pequeno. E não ficar passando a mão nos olhos.

4. Se você tem mais de 30, a palavra “cintilância” deve ficar longe do seu vocabulário. MITO. A sugestão é substituir os metálicos prata e dourado por cintilantes azul e pêssego, tão bonitos quanto.

5. Smoky eye só pode ser usado à noite. MITO A dica é pular a marcação pesada, e dar uma bela esfumada (até rimou!). Super fácil de adaptar pro dia, é só não exagerar e não pesar na cor.

Fotos: Style Bistro

6. Antes corretivo, depois base. MITO A dica da make up artist da Lancôme é inverter a ordem para um look mais fresh. Eu sempre tive o costume de passar o corretivo antes, mas estou tentando me adaptar com essa nova ordem. É realmente mais prática, o resutlado fica melhor e você usa menos base.

Bom, esses foram os mitos mostrados no makeup.com. Eu acrescentaria mais um: fazer a pele antes, depois o olho. Se for pensar, a ordem não faz muito sentido, principalmente se você for fazer um olhão esfumado ou com cores fortes. Faz a maior sujeira e às vezes tem que refazer toda a pele ao redor do olho.

E outro mito que eu tenho que quebrar, mas acho que não merece ser quebrado é sombra rosa cintilante. Não gosto! Acho que usei tanto durante o começo do século (que velho que soou isso) que me parece coisa de americana brega.

E você, tem algum mito de maquiagem que não quebra de jeito nenhum ou quebou recentemente?

4 Comentários

Arquivado em Looks, Maquiagem

4 Respostas para “Quebrando mitos da maquigem

  1. Eu uso lápis azul/verde faz anos – e você sabe – e não abro mão. Me gosto com ele, e ultimamente tenho usado na pálpebra de cima, como nas fotos!

    E não sei por que, mas ultimamente tenho passado a base antes e o corretivo depois, apesar de ter feito o contrário a vida inteira… e sabe que gosto do resultado?

    Mas ainda não consigo boca tudo e olho tudo… meus lábios sao muito finos e na maioria das vezes nem me gosto de batom muito forte!😦

  2. Livia

    Amei seu post! e adorei o batom laranja da foto do tom ford.bjs!

  3. Eu super concordo com todas as dicas Milena #sualinda !!!

    bezoo da @pnlpcharmosa

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s